quarta-feira, 14 de abril de 2010

O que eu aprendi

Aos 30 aprendi que:

1. um casal não deve dormir brigado
2. Tenho que refletir pelo menos um pouco antes de falar o que penso
3. tenho que saber identificar a minha tpm
4. posso comprar sapatos mais caros um pouco (um pouco... meu bolso ainda não está pronto para um manolo blahnik) pq meus pés são sensíveis
5. fazer unha toda semana é inevitável, podólogo eventualmente
6. e hidratar o cabelo de vez em qdo tbm
7. palavras carinhosas devem ser ditas sempre, seja qual for o interlocutor
8. não devemos julgar ninguém
9. melhor passar de besta por ser bom de mais, do que ser bom de menos
10. precisamos engolir alguns sapos
11. filhos não podem ser enfrentados "de frente"
12. roupa não é tudo
13. esmaltes verdes, amarelos, azuis não combinam comigo. Tampouco roupas da moda, de marca e carésimas. quero roupas práticas e que não use só de vez em qdo
14. mas se render àquele vestidinho uma vez ou outra tbm não faz mal a ninguém
15. que a gente tem que saber reconhecer nossas limitações e identificar nossos talentos
16. ninguém troca uma pessoa pela outra; a outra ocupa um espaço que a primeira não ocupava, ou que tinha deixado vago.
17. devemos organizar nossas lembranças
18. telefonar de vez em qdo praquela pessoa que vc nao fala sempre, pode ser difícil, mas no fim é recompensante
19. às vezes o emprego paga até melhor, mas não é melhor pra vc
20. entretanto, de vez em qdo a gente tem que trabalhar até mais tarde.
21. dar dinheiro é mais fácil que dar colo
22. eu não gosto de chicletes e balas
23. não gosto (quase) de música muito massificada
24. adoro conhecer música que ninguém mais sabe de onde veio
25. não me contento com o ordinário. O incomum não é necessariamente o mais caro. Mas é aquele que vc demorou um pouco mais pra escolher
26. às vezes enfrentar alguma questão prática pra mim émuito difícil.
27. não adianta, eu admito, sou carente.
28. na prática é difícil, mas os filhos são pro mundo. Essa é uma lição que sei de cor, mas aplicá-la é uma dificuldade
29. que nunca vou ser magra, seca pq amo comer. Quero só ser elegante
30. que a gente tá aqui pra ser feliz. E quem disser o contrário é mentira. Então temos que batalhar de verdade pra isso. Conheço gente que parece que corre atrás de problema, aflição, tristeza. Vida não pra isso não.

7 comentários:

Simplesmente Luísa disse...

Olá, adorei essa reflexão...eu estou qse lá, falta 1 aninho... e me identifiquei c algumas coisas q vc disse aí...
Beijos!!! Vou te seguir...passa lá!

Andréa disse...

A 16,a 28 e a 30 são as maiores descobertas da gente aos 30 anos.
Sem elas a gente não conseguiria chegar aos 40 inteira.
Vc tá na crista da onda com suas descobertas,pra vc vai ser mais fácil envelhecer.
Qto à sua vinda pra São Paulo,que pena que será corrida,senão eu ia te chamar para um cafézinho.
Quem sabe na próxima né?
Beijão e boa viagem.

disse...

Noooossa,
Amei o post e concordo com vc...
Bjs

Amanda disse...

Tocou no fundo da minha alma.

Adorei esta: 29. que nunca vou ser magra, seca pq amo comer. Quero só ser elegante.

Bjs!

Any disse...

Concordo em gênero, número e grau!!!
Bjs!

Sra. Mari disse...

amei essa reflexao .. mes que vem se eu estiver inspirada vou tentar fazer uma reflexao assim tbem !

bjo

veri disse...

adorei a reflexao
boa semana
bjum