segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Casamento é que nem filho

Quem é mãe, ou tem sobrinhos, sabe que ninguém pode falar nada dos nossos rebentos. Eles podem ser as piores crianças do mundo e a gente saber disso, mas só quem pode dizer isso é a gente, ninguém mais.
Quem é mãe, ou uma boa observadora de mães, sabe que em alguns casos, rola um certa competitividade em relação aos filhos: "se o Joãozinho da sua escola consegue fazer 3 deveres de casa, vc também consegue, Ritinha"... "seu filho inteligente? Pois o meu é muito bem educado", diz a mãe, pra compensar o fato do filho não ser lá um Einstein.
Cheguei a conclusão que com casamento é a mesma coisa: o nosso casamento sempre é o mais bonito, o mais original, o mais animado, a comida era a melhor, o bolo o mais magnífico, enfim. Não há no mundo casamento mais legal que o seu.
Aí você vai num casamento perfeito. Lindo de morrer, a noiva tá linda, a comida super saborosa, o dj tá arrasando... "ah, mas no meu, os doces estavam melhores, teve banda e banda é sempre mais legal". Nem sempre é despeito (apesar de que tem gente muito despeitada por aí, já me deparei com algumas - como as mães do segundo parágrafo). É que todo mundo faz tudo com mto carinho (que nem filho), escolhe cada detalhe com muito cuidado e, literalmente o casamento sai a cara da dona. Que nem filho.
Eu já tinha reparado isso em relação a mim. Mtas amigas casaram perto de mim e eu senti isso. "O seu vai ser assim? Ah, mas eu pesquisei e vi que se fizer assado é muito melhor e é assim que eu vou fazer". Pensei um pouco e cheguei a conclusão, que festa de casamento é a cara de cada um e que vestido de noiva é que nem nome de filho: cada um escolhe o do seu e que ninguém ouse criticar. Mas ficou mto mais evidente quando um amigo nosso, comentou com um outro amigo nosso que casará em maio, que nunca tinha ido e provavelmente não iria prum casamento tão legal, lindo e animado como o nosso. O noivo ficou chateado.
Depois de repreender meu amigo tagarela ("poxa, nunca diga isso pra uma pessoa que está organizando um casamento"), percebi que não é um sentimento de noivas. Atinge os noivos também, que geralmente nem se envolvem tanto na organização do evento. E, com certeza, afeta os pais dos noivos que também se envolvem tanto. E é um sentimento de família. Como os filhos.

3 comentários:

Noiva Mari disse...

com certeza .. tem coisas que nao podem ser ditas ... simplesmente pensar .. mas nao falar !

bjo

Denise e Eduardo disse...

Ele perdeu uma grande oportunidade de ficar caladinho...rsrs
Mas que bom que seu casamento está recebendo esse tipo de elogios... é bom quando as pessoas curtem um momento tão especial junto com vocês...
Beijos!!!

centraldasnoivas disse...

Oi Flor,

Criei uma comunidade no orkut pras noivinhas (e noivinhas casadas) blogueiras... Dá uma força lá!!!
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=82428573

Beijokasss

Lívia