quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Yes, we can

Há anos, eu acho, eu não acompanhava uma eleição tão atentamente qto acmpanhei a que elegeu Barack Obama presidente dos Estados Unidos. Acho que a política no Brasil anda completamente desacreditada, viciada e sem graça (pra dizer o mínimo). Então me contento com a política dos outros.

Quando eu li a primeira reportagem sobre Obama, antes ainda das prévias democratas, fiquei pensando como seria improvável os Estados Unidos - logo quem!?! - elegerem um presidente afro-americano chamado Barack Hussein Obama. E, apesar de torcer por ele, achei que Hillary fosse levar. Mas não. Essa foi a primeira supresa.


E agora veio a segunda e grande surpresa. Até que eu acho que o McCain era uma pessoa legal, a despeito de ele ser do mesmo partido do Bush: ele tem nao sei qtos filhos, sendo um adotado num país ou africano, ou asiático (antes dessa moda Angelina Jolie de ter filhos), sobreviveu à guerra do Vietnã, onde foi prisioneiro de guerra por cinco anos (só penso na mulher dele, como deve ter ficado), sobreviveu, ainda, a acidente de avião e tudo. Mas o Obama era o símbolo: de uma pessoa negra ser eleita presidente de um país extremamente racista..


Bem, mas eu não estou falando nada novo. Mas tem uma coisa que me revoltou hoje: tem um rapaz que trabalha comigo que é evangélico. Nada contra religião nenhuma, muuuito pelo contrário, respeito todas e acho, no mínimo, saudável, toda essa mistura maravilhosa que o Brasil tem (já que não temos a política, o sincretismo nos salva). E esse rapaz, que é extremamente intolerante e é isso que eu não gosto nele, ficou revoltadíssimo porque o Obama ganhou. Porque o Obama tem antepassados islâmicos. Antepassados. Posso? Ele sempre faz umas coisas estranhas. Eu juro que tive vontade de dizer: "então não dirija a palavra a mim, pois minha família é judia, mudou o sobrenome na 2ª diáspora". Ah, e ele ainda se convidou pro casamento. Deixe ele acreditar nisso.


Eu odeio intolerância, de qualquer tipo. Sou intolerante com quem é intolerante.


Essa saia desse vestido não tá linda?

beijos,

5 comentários:

Noiva Mari disse...

é .. nao sou fã de politica, mas esse obama me chamou a atenção. Espero que de tudo certo no mandato dele.

Bem .. eu vi uma outra foto do casamento deles e ela tava linda, esse vestido é um arraso.

Noiva repara em tudo ne ? rss


bj

Denise e Eduardo disse...

Oiê,

Como pode né??? Até quando o assunto é política acabamos falando de casamanto...rsrsrrs
Realmente a saia está muito bonita.
Beijos!!!

Muriele Binow disse...

Coo pode né, sou evangélica, mais não fico com preconceito com a religião dos outros, acho que cada um tem que se sentir bem com a religião que escolheu, mias mudando de assunto eu torci bastante para o Obama, pois lá é um pais tão racista, e parece que isso tá mudando por lá, bjos!

Binha disse...

Tem gente que pensa pequeno demais,né? E graças a Deus isso não previlegio de evangélicos.. tõ salva! kkk
Bjs.

leo menescal disse...

Amor, esse imbecil não chegar nem perto da recepção! :)

Nossa, que idiota...

beijo linda.

leo